• Slide 3
  • Slide 1
  • Slide 2
  • Slide 4
  • Slide 5
  • Slide 6

Notícias Ecclesia

Ir. Maria dos Prazeres (1931-2021)

 

Maria Isabel Bruçó (Ir. Maria dos Prazeres) nasceu na aldeia de Bemposta, Mogadouro em 19 de Julho de 1931. Foi admitida ao Postulantado da Congregação das Servas Franciscanas Reparadoras de Jesus Sacramentado em 4 de fevereiro de 1959, vindo a professar em 15 de agosto de 1961, adotando o nome religioso de Maria dos Prazeres, pelo qual viria a ser mais conhecida.

 

Após a primeira Profissão, em 1961 tirou o Curso de Enfermagem em Lisboa, que viria a promover em 1974 na Escola de Enfermagem de Bragança. Durante a sua vida, a enfermagem viria a ser assumida dedicadamente, como a sua principal missão.

Ainda no segundo ano de Noviciado, prestou serviços no Hospital de Mogadouro, e depois em Alfândega da Fé, nas comunidades que aí estavam inseridas.

Em Outubro de 1963 integrou a Comunidade que prestava apoio ao Hospital de Mogadouro, e aí permaneceu até ao ano de 1969, ano em que foi transferida para a Comunidade do Hospital de Vila Verde (Braga). No ano de 1972 regressou a Mogadouro e dois anos mais tarde, em 1974 integrou a Comunidade que prestava serviços no Hospital de Vinhais. Foi nesta comunidade que permaneceu mais tempo até ao seu encerramento ocorrido a 28 de Setembro de 1993 e foi dela superiora num total de 12 anos. Trabalhou zelosamente no hospital local e no centro de saúde, como enfermeira, dando o seu contributo para minimizar a dor dos que careciam de cuidados de saúde, a exemplo do Mestre que passou pelo mundo fazendo o bem.

No ano de 1993 ficou a fazer parte da Comunidade que prestava apoio ao Lar de Terceira Idade de Vidago, até 30 de Julho de 2000. Neste ano passou a integrar a Comunidade da Casa de Nossa Senhora de Fátima, em Macedo de Cavaleiros.

No ano de 2001 ficou na Comunidade do Lar de Nossa Senhora do Amparo, realizando pequenos serviços comunitários.

O peso da idade foi manifestando o desgaste e a fragilidade do normal percurso da vida. No dia 11 de Janeiro detectou-se um surto de COVID-19 na comunidade do Lar de Nossa Senhora do Amparo em Mirandela, de que a Ir. Prazeres fazia parte. Permaneceu alguns dias com sintomas ligeiros, provocados pela infecção viral. Porém no dia 20, como se encontrasse mais prostrada, foi socorrida no hospital de Mirandela, ficando aí internada.

Na tarde do dia 21, dia de Santa Inês, a parte cardíaca não resistiu e a nossa Ir. Prazeres abandonou o seu alento nas mãos amorosas do Pai Celeste.

A pedido da sua família, o corpo da nossa Ir. Maria dos Prazeres será sepultado no túmulo de família no cemitério da sua aldeia natal, Bemposta, no dia 23 de Janeiro de 2021, pelas 11 horas, dentro das normas em vigor da Direção Geral de Saúde e da Conferência Episcopal Portuguesa. Nas comunidades das SFRJS, em que é possível, será celebrada Eucaristia em sufrágio pela sua alma.

Dando graças ao Deus da Vida pelo dom da nossa Ir. Prazeres e por todo o bem que espalhou neste mundo, rezamos para que o Bom Pastor, que ela amou ardentemente nesta terra, a apascente nos prados do seu Reino eterno.

Newsletter

Receba as nossas novidades.
Subscreva a nossa Newsletter:

© 2013 SFRJS Todos os direitos reservados